Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quarto das Maravilhas

O poder das palavras em criar imagens memoráveis na descrição de cenas e personagens.

Quarto das Maravilhas

O poder das palavras em criar imagens memoráveis na descrição de cenas e personagens.

5

O homem que falava com Deus | Thales Ferreira

A capital económica e administrativa do Egito estendia-se até perder de vista as suas milhares de casas quadradas de terracota, cercadas por alamedas de sicómoros e palmeiras, jardins e lagos coroados por flores de lótus - um gigantesco oásis artificial ao longo do Nilo. Um vasto emaranhado de canais traziam a água do rio e faziam de Mênfis uma cidade rica em água, sombra e alegria. Pelas ruas corria o burburinho de mercadores, marinheiros, artesãos, operários e funcionários do governo, um formigueiro de vida em permanente movimento."

O Homem que falava com Deus | Thales Ferreira

Ilustração reconstitui a cidade de Mênfis no Egito antigo.

MÊNFIS: Cidade histórica, hoje em ruínas, do Baixo Egito, de antiquíssima edificação, atribuída a Menés, um dos primeiros reis da raça hamítica, que a situou na bifurcação do Nilo, desviando o curso deste rio, com o objetivo de vigiar os dois grandes setores do velho Egito.

 

Leitura Partilhada

O homem que falava com Deus | Thales Ferreira

 

98FECC82-7A21-4E2A-8A0E-A0BC5EC3703D_1_201_a.jpeg

 Design da capa: Joana Martins | Fotografia: Quarto das Maravilhas

Criado ao lado do futuro faraó para ser um mago, Moisés vive na inquietação e mergulha nos mistérios da magia e nos conflitos da guerra, envolvido pelo magnetismo do amor e do sexo. Apaixona-se pela feiticeira Miriam e conhece Josué, um jovem de coração puro transformado em assassino e guerreiro por devoção a uma mulher. O destino, porém, os lançará numa tempestuosa jornada. A mais célebre história do Velho Testamento se transforma numa trama contemporânea eletrizante, com impulso de aventura e fundo de emoção, para ser lida de um só fôlego. Qual o sentido da vida terrena? Por que uns passam à Terra Prometida e outros não?

 

539

Duna | Frank Herbert

"To Tame a Land" foi lançada em 1983 no álbum "Piece of Mind" e foi inspirada no romance de ficção científica "Duna", publicado em 1965 pelo escritor e jornalista americano, Frank Patrick Herbert, que mais tarde foi transformado em fime. O compositor Steve Harris tentou convencer Herbert para a música se tivesse o título "Dune", mas Herbert recusou por não gostar de bandas de rock. Gostasse ou não, o certo é que "To Tame a Land" "passou por renascimentos peródicos e contiua ainda hoje a ser popular." (HERBERT, Duna) 

Dune Peninsula at Point Defiance Park

Duna | Frank Herbert

 

Fotografia Dune Peninsula at Point Defiance Park

O escritor norte-americano Frank Herbert, autor do livro “Duna”, um dos maiores clássicos da ficção científica, publicado originalmente em 1965, será homenageado com um parque em Tacoma, cidade no estado de Washington onde nasceu.

O novo Dune Peninsula, nome que o espaço recebeu, ocupará uma área com cerca de 44 mil metros quadrados dentro do Point Defiance, um parque urbano com mais de 3 quilómetros quadrados de tamanho na zona portuária da cidade.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Leitura Partilhada

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D