Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


“Bíblia Laranja Católica”

Terça-feira, 05.05.20

6496E956-5960-4BCF-9680-E472D27EC3A3.jpeg

Tolkien's Library, de Oronzo Cilli

“Não conheço nada que se compare a este livro, a não ser Senhor dos Anéis. – Arthur C. Clark, Livro I.
Citação explícita na capa da edição portuguesa "Saída de Emergência", agosto de 2010.

Tal como O Senhor dos Anéis, Duna apresenta um universo inteiro com povos desconhecidos, repleto de criaturas assustadoras e incluindo glossário para tornar o universo vivo aos olhos do leitor.

Mas qual seria a opinião do próprio Tolkien, sobre o universo de Frank Herbert? Na época da publicação britânica de Duna, pediram que Tolkien escrevesse uma nota apreciativa. Ele declinou dizendo que achava o livro "repugnante demais".

Talvez o desagrado de Tolkien (como fervoroso católico) seja por ter identificado que o romance Duna se vincula à tradição mística com uma combinação de protestantismo e catolicismo romano, baseada na chamada "Bíblia Laranja Católica", que contém também elementos de religiões muito antigas, incluindo o islâmismo e tradições budistas. Este produto ecumuménico poderia ser a razão de Tolkien considerar a obra de Frank Herbert de repugnante.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Quarto das Maravilhas às 09:38





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.